Testei – Oriflame Studio Artist Foundation

27

Jun

Daniela Monteiro

base, maquilhagem, testei

O que a Oriflame diz

Contém o Complexo Illuma Flair™ que difunde a luz, atenuando qualquer imperfeição, uniformizando a pele e revelando um resultado muito natural. A sua fórmula leve deixa a pele hidratada, luminosa e matificada. SPF 15. 30  ml.

A minha experiência

Antes de mais, meninas de pele clara: boas notícias para vocês! Este tom, pelo que posso ver no site, é o segundo mais escuro e é demasiado claro para mim. Ou seja, o Fair Nude e o Porcelain poderão ser boas opções para as peles mais pálidas.

  • A embalagem é bastante prática, mas o produto escapa um pouco pelas bordas, por melhor que aperte a tampa, pelo que um fecho mais seguro não era nada mal pensado.
  • Trata-se de uma base com pouco cheiro, cobertura leve a talvez média, e bem líquida, como podem ver nos swacthes e até na forma como flui em volta da abertura.
  • Quando à eficiência do complexo, apenas posso dizer que dá um efeito bem natural, aperfeiçoado mas de forma subtil. Por ser leve, é muito confortável de usar, pois não sentimos a pele “sufocada”.
  • É super fácil de espalhar, mas aconselho que a apliquem com um pincel denso, de forma a conseguir mais cobertura. Considero-a bastante universal, podendo adaptar-se a todos os tipos de pele, mas se tiverem mais oleosidade irão certamente preferir uma consistência mais cremosa, que proporcione maior duração.

Podem comprar Oriflame no Blog Oribeleza.

Já experimentaram? Beijinho, dan

Deixe aqui o seu comentário!

Sílvia Oliveira diz:

Adoro toda esta linha da Oriflame. Ainda não tive oportunidade de experimentar o pó e os batons, mas quanto ao primer, corrector e base só tenho maravilhas a dizer! Quanto a esse problema de se escapar produto da embalagem, eu guardei a caixinha em que ela veio para a poder armazenar de tampa para cima, assim não corro riscos Wink