Radicais livres e antioxidantes

13

Abr

Daniela Monteiro

alimentação, pele, saúde

Quem nunca ouviu falar de radicais livres ou antioxidantes, que atire a primeira pedra. Estas palavras estão frequentemente associadas à cosmética, mas também vêm à baila quando falamos das propriedades de certos alimentos. Mas, afinal, o que são radicais livres? Devemos preocupar-nos com eles? E qual é a função dos antioxidantes? Continuem a ler!

O que são radicais livres?

Os radicais livres são moléculas ou átomos altamente energéticos que têm uma estrutura química instável e incompleta, o que os torna extremamente reativos. A sua estrutura é incompleta porque têm pelo menos um eletrão desemparelhado e, para serem estáveis, os eletrões devem encontrar-se emparelhados. Consequentemente, a molécula fará tudo o que for necessário para “roubar” um eletrão de outra molécula “saudável”, ficando assim completo e, portanto, estável. O eletrão desemparelhado faz com que a molécula tenha uma carga elétrica e química que o leva a colidir com substâncias presentes nas nossas células.

tumblr_m42utnOMMX1ru5aj7o1_500_large

Os radicais livres são-nos prejudiciais?

Durante a colisão mencionada, o radical livre danifica gravemente aquilo com que colide, podendo formar outro radical livre nesse processo, tratando-se por isso de uma reação em cadeia. Se esta colisão se der com algo como moléculas de ADN ou membranas celulares, os efeitos secundários incluem envelhecimento prematuro, cancro da pele e doenças cardíacas. No entanto, se os radicais livres colidirem com um vírus ou ADN deficiente, têm uma função benéfica no nosso corpo, e é por isso que se encontram presentes nas nossas células. Concluindo, estas moléculas podem ter consequências boas ou más no nosso organismo, pelo que é importante manter um bom equilíbrio.

fruits-good-photograph-photography-red-Favim.com-252489_large

Para que servem os antioxidantes?

Os antioxidantes não são nada mais do que bons samaritanos, que dão a vida para nos proteger dos radicais livres. Ao atrair, absorver e neutralizar a energia dos radicais livres e das suas colisões, eles protegem-nos, sendo destruídos nesse processo. Seja ingeridos ou aplicados topicamente, digam sim aos antioxidantes!

Espero que vos tenha esclarecido! Qualquer dúvida, deixem nos comentários, e eu responderei ao que puder Smile

Beijinho, dani

Deixe aqui o seu comentário!