8 alimentos para uma cozinha saudável

21

Fev

Daniela Monteiro

alimentação, dieta vitalícia, saúde

Há pouco tempo partilhei convosco algumas imagens na esperança de vos incentivar a ter uma alimentação mais saudável e variada, e perguntei-vos se gostariam de ver mais receitas aqui no blog. Algumas leitoras falam da dificuldade que sentem em pôr em prática algumas das receitas mais saudáveis que vêem, por não encontrarem os ingredientes necessários, e devo dizer que também já me encontrei nessa situação! No entanto, a verdade é que não precisamos desses ingredientes para termos uma boa alimentação. Querem saber aqueles que deviam, realmente, ter em casa? Smile

Espinafre

Os espinafres (leia-se a maioria das crucíferas) são ricos em ferro, necessário para levar oxigénio dos pulmões a todas as células. O magnésio ajuda a evitar dores de cabeça, cãibras, fadiga crónica e dores menstruais. O manganésio, por sua vez, mantém os níveis de açúcar em ordem. À festa, junta-se ainda bastante vitamina A e K.

Fruta

Confesso que sou uma daquelas pessoas que come a fruta simples, entre refeições e como sobremesa. No entanto, existem imensas receitas que incluem fruta das formas mais inesperadas, e são uma boa forma de as incluirmos na nossa dieta. Tenham sempre pelo menos 5 peças de fruta em casa diariamente, de várias cores, pois cores diferentes equivalem a maior diversidade de nutrientes.

Sementes de chia

Super em voga nos blogs de fintess e saúde, as sementes de chia são uma ótima fonte de ácidos ómega-3, que têm poder anti-inflamatório e previnem doenças neurodegenerativas e cardiovasculares. Fornecem também fibra e proteína qb, pelo que são fantásticas para controlar o apetite! Já as encontram em hipermercados.

Iogurte grego magro

Infelizmente, que eu saiba, em Portugal ainda só temos o bastante açucarado e gordo iogurte grego, o que é uma pena! Tirando esse açúcar e gordura, o iogurte grego tem até o dobro da proteína do tradicional iogurte, culturas probióticas, e menos lactose. Mas até a versão menos soft é um bom substituto para ingredientes pouco saudáveis em algumas receitas.

Oleaginosas

Calma, são “óleos” bons. Embora tenham bastantes calorias, tratam-se de boas calorias, contidas em ómega-3, proteína e minerais. Uma, no máximo duas mãos-cheias por dia é a dose recomendada. As nozes levam a medalha de ouro para o coração, e os amendoins para o cérebro, mas a escolha fica à vossa conta! Pessoalmente, prefiro as nozes e as amêndoas Smile

Limão

Fonte de vitamina C e flavonóides, o limão é um antibiótico natural, melhora a circulação e, como já sabem, é um dos melhores aliados no que toca a combater dores de garganta, constipações e gripes, para além das suas propriedades desintoxicantes.

Quinoa

Não é por acaso que 2013 foi o Ano Internacional da Quinoa, de acordo com a FAO. É um grão rico em aminoácidos (proteína) essenciais, vitaminas (A, B6, B1, E e C), minerais (cálcio, fósforo, cobre, magnésio, cloro e zinco) e ácidos gordos. É tão popular como a soja em pratos vegetarianos, e a sua versatilidade culinária só melhora a situação.

Especiarias

São a melhor forma de reduzir o sal, ou até o açúcar! Além disso, muitas delas têm propriedades benéficas, como é o poder anti-inflamatório do açafrão, e canela “reguladora de níveis de açúcar “. Posso também assegurar que é muito mais divertido temperar fazendo experiências com as especiarias, do que simplesmente despejar sal na comida Wink

Quais são os alimentos que não dispensam para receitas saudáveis? Beijinho, dani

fontes: fitsugar.com, saude.sapo.pt, visao.sapo.pt

Deixe aqui o seu comentário!

Leonor diz:

Acabei de comer um Iogurte grego, natural e magro da Nestlé. E já vi de marcas brancas a versão magra e natural cá em Portugal.

Daniela Monteiro diz:

Olá Leonor! O post foi escrito há um ano Wink Beijinho

Daniela Monteiro diz:

Fico feliz por saber que gostaram do post! Se há coisa de que gosto são leitoras saudáveis Wink Vou ter então de procurar a versão magra! Beijinhos Grin

Marta diz:

Sou uma pessoa muito saudável, como espinafres (quando encontro), chia, nozes e especiarias (embora cortar no sal seja dificil). 4/8 não é mau!

Ana diz:

Olá Dani. Acho que cá em Portugal para além de haver o grego ligeiro (da Nestlé) também há o natural da Danone(com menos açúcar ou mesmo sem açúcar, penso). Beijinhos e continuação de excelente trabalho para ti e para a Camila

Isabel diz:

Olá Daniela.

Post fantástico e fiquei feliz por ter reparado pelos comentários que já há Iogurte Grego Magro cá.

Um pormenor os espinafres fazem parte da familia das Crucíferas e não crucíferos… Desculpa intrometer-me mas sou da área.

Beijo

Daniela Monteiro diz:

Obrigada pela correção! Smile Beijinho

Laura diz:

Por cá já temos o iogurte grego “ligeiro”, mas acredita que o natural, sem adicção de açúcar, é bem melhor do que qualquer outro.

Liliana diz:

Já vi à venda nos supermercados Continente Iogurte Grego magro (ou ligeiro, como referem na embalagem). Julgo que tem menos 65% de matéria gorda.

Optimas dicas!
Por acaso estão todos presentes no meu dia-a-dia Smile

Womens’s Stuff
Firmoo Glasses Giveaway

Em Portugal já existe iogurte grego magro!! É da Nestlé se não me engano (e acho que a marca do intermarché também tem..) e a embalagem é igual, mas o azul é mais claro!!

xoRosie
Rosie’s Life

Que ótimas sugestões.

E todos esses alimentos são super acessíveis e fáceis de combinar.

http://www.prontaevestida.com

Daniela Monteiro diz:

Praticabilidade acima de tudo!