O que importa é ser HAPPY

20

Mar

Camila Bento

pessoal

sempre na moda

A propósito do seu 9º aniversário, a revista Happy lançou um manifesto com uma mensagem muito forte –  temos a liberdade de escolher quem queremos ser, livres de preconceitos ou condicionamentos sociais – e, nós, escolhemos ser Happy! Se leem esta revista, sabem perfeitamente que no seu ADN está a particularidade de ser uma revista livre de tabus e com temas muito apelativos para o sexo feminino!

A convite da marca, fiz uma reflexão acerca desta campanha e o resultado é esta imagem! Cada vez me importo menos com a opinião dos outros e isso deve-se, não só à minha personalidade, mas também ao muito que aprendi a esse respeito com o blog.  Ninguém pode saber o que é melhor para nós do que nós próprias, certo? Wink

Deixe aqui o seu comentário!

100% DE ACORDO!

Aliás criamos o nosso blog precisamente para “chegarmos” a mulheres que se julguem (IM)PERFEITAS e que, por vezes, por pequenas coisas não conseguem ser HAPPY*.

 A falta de estima, a existência de tabus e o preconceito são grandes causadores de infelicidade, portanto todas as palavras que possam contrariar este tipo de pensamento são sempre importantes.

Camila, ontem criamos um nova rubrica chamada “A gorda e a magra”, onde pretendemos mostrar que a igualdade entre os tamanhos é tão importante como a igualdade entre géneros e cores de pele, temos esperança de ajudar algumas mulheres a serem mais HAPPY*

*adoro esta revista

Bom fim-de-semana
http://manual-da-moda.blogs.sapo.pt/a-gorda-e-a-magra-1-35936

Costumo ler a HAPPY, não podia estar mais de acordo contigo!!

http://mourissima.blogspot.pt

Jael diz:

Mais nada! Consigo-me ver nas tuas palavras!