Como fazer um plano de alimentação

25

Abr

Daniela Monteiro

alimentação, saúde

Certamente já ouviram falar de planos de dieta, certo? Não somos nutricionistas, de forma que este “plano” de que falamos hoje é mais uma overview do que uma dieta prescrita, mas pode ser igualmente útil para conseguirmos uma alimentação mais equilibrada! A ideia é planear as refeições conforme o nosso quotidiano, evitando desperdícios e poupando dinheiro. Como?

Planear refeições. Para evitar gastar mais do que o necessário e levar a desperdício, este é o primeiro passo. Evita refeições pobres, ou mesmo a pizza encomendada!

Considerar a agenda. E, para planear com eficiência, vale pensar nos compromissos da semana. Assim sabemos se vamos estar em casa, se levamos marmita, se precisamos de peças de fruta mais “portáteis” ou se podemos trazer mais laranjas e mangos.
Não negligenciar os lanches. O planeamento não passa só pelo almoço e jantar! Na lista de compras deve constar também aquilo que precisamos para os nossos lanches, igualmente importantes, mantendo sempre a fruta e alimentos de baixo IG presentes, para nos manter saciados e com energia. É muitas vezes nos sumos e bolachas dos lanches que consumimos calorias vazias!

Compras para a semana. Ao comprar para toda a semana, sabemos que temos tudo o que precisamos em casa. Além de ser cómodo e prático, evita a tentação de fazer mais compras, pois já sabemos que serão desnecessárias.

Variedade. Uma das vantagens de fazer um plano é olhar literalmente para o que comemos. Permite-nos ver quantas vezes já comemos carne naquela semana, se a fruta é de todas as cores ou apenas bananas, se o pequeno-almoço é completo e variado… Desta forma, podemos fazer alterações para uma alimentação com maior variedade de alimentos!

E vocês, têm mais dicas a dar? Smile Beijinho, dani

imagem: tumblr.com

Deixe aqui o seu comentário!